Ao completar 20 anos de existência, o buscador da gigante de tecnologia Google – seu principal serviço – processa, em média, mais de 400 mil buscas por segundo, ou cerca de 3,5 bilhões por dia, de acordo com a revista Forbes.

No processo de tornar-se o principal buscador do planeta, ele também se consolidou como uma plataforma de anúncios, um modelo de negócios e um coletor de informações pessoais. Cada vez em que você faz uma busca, o Google descobre um pouco mais sobre as suas preferências e hábitos.

Criado por dois alunos de Stanford, Larry Page e Sergey Brin, o mecanismo de busca é a base para praticamente qualquer procura feita na internet. Seu sucesso deve-se muito ao algoritmo chamado PageRank, que ordena os resultados de acordo com as palavras-chave inseridas e outros fatores diversos.

Desde então, a Google cresceu e desenvolveu-se muito, explorando cada vez mais áreas diferentes da tecnologia e tornando-se a gigante que é hoje em dia, fornecendo serviços dos mais variados possíveis. Para comemorar essa data tão importante, como é de costume, a empresa ´colocou no ar um Doodle especial – que são aqueles logotipos personalizados na página da ferramenta de busca.

O primeiro Google Doodle foi criado para ser uma resposta automática para um e-mail de “fora do trabalho” no dia 30 de agosto de 1998. Nele, o boneco símbolo do festival de contracultura americano Burning Man, aparecia atrás do segundo “o” no logo da empresa. Larry e Sergey foram para o festival, no Estado de Nevada, e queriam avisar os usuários do serviço que eles não estariam disponíveis para resolver problemas técnicos.

Desde então, os Doodles se tornaram cada vez mais sofisticados – alguns são até jogos – e se tornaram uma tradição do buscador. Eles celebram dias significativos ou personalidades de diversos países com ilustrações especialmente encomendadas. A empresa criou até uma página especial onde ficam armazenados todos os doodles antigos.

Facebook